21 de mar de 2011

Essa semana trabalho da chapeleira Silvia Lucchi

Capazes de deixar qualquer look mais interessante e sofisticado, os chapéus são uma verdadeira ousadia nos dias de hoje. Usados por descolados, modernos e clássicos, os modelos variam de textura e formato, sem nunca perder a classe e a originalidade. Um dos grandes ícones da chapelaria no Brasil é a designer Silvia Lucchi, preferida de fashionistas desde os anos 80. Suas grandes referências são os chapeleiros Philip Treacy e Stephen Jones, e qualquer retalho de tecido pode servir de inspiração para suas peças. A paixão pelo experimental, pelo ousado e pela mistura de texturas, fizeram com que Silvia se enveredasse pelo caminho da criação de chapéus. Depois de estudar moda na academia Domum de Florença com renomado estilista italiano Gianfranco Ferré, e cursar figurino e cenografia teatral em Firenze, a brasileira voltou ao Brasil para trabalhar com marcas como Zoomp e Fiorucci, fazendo um sucesso estrondoso nos anos 80 com seus modelos sofisticados e originais. Sua principal inspiração vem do próprio material. Ao olhar as tramas nos tecidos e palhas, e imaginar combinações, Silvia imagina os modelos ganhando forma e produz muitas peças pilotos. Ela já criou mais de 600 modelos, que divide em famílias, e já vendeu suas criações para lojas como a Barney's, em Nova York e a Printemps, em Paris, além de clientes na Bélgica, na Itália e no Japão. Para que o trabalho saia exatamente como imaginou, ela trabalha junto com as costureiras na criação de diversos pilotos, até chegar na peça perfeita. Entre seus trabalhos marcantes, está a participação no concurso 'Look of the year', organizado por Paulo Borges, quando Silvia criou chapéus em escala teatral, que roubaram a cena. Essas peças gigantes, assim como 200 peças piloto produzidas pela designer, fazem parte da exposição "Na Cabeça", que entra em suas semanas finais de homenagem ao trabalho da brasileira. Verdadeiras peças artísticas para looks elegantes e de personalidade!
Exposição "Na Cabeça" Local: A CASA museu do objeto brasileiro Rua Cunha Gago, 807 - Pinheiros - São Paulo Local: A CASA museu do objeto brasileiro Rua Cunha Gago, 807 - Pinheiros - São Paulo Tel. (11) 3814-9711 begin_of_the_skype_highlighting (11) 3814-9711 end_of_the_skype_highlighting Horário: segunda a sexta - 10h às 19h

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Adoro Comentários!!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...